Mundos Fantásticos RPG

Dados, histórias, fantasias, emoções, sonhos, guerras, amores, paixões, tramas, ódio e magia....um lugar onde a imaginação é o limite, em uma terra de criatividades.
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 O ANO DE 3050 D.C.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 11
Data de inscrição : 01/03/2017

MensagemAssunto: O ANO DE 3050 D.C.   Dom Mar 05, 2017 12:26 am

3050 D.C.

" Terra...O lar que sempre sonhamos"
No ano de 2100, o planeta terra viveu um dos maiores acontecimentos de sua história, a terceira guerra mundial eclodiu diante de 12 bilhões de seres humanos. A queda da maior potência econômica em 2050 desestabilizou a balança mundial, os Estados Unidos da America declarou estado de calamidade social e econômica após fracassadas sucessões presidenciais que levaram o pais a ruína, deixando assim espaço livre para que a poderosa união européia dominasse o sistema mundial de controle econômico.Intolerantes e desesperados, outros países, bélicamente poderosos, resolveram iniciar a horrenda guerra, tendo como grande incitador o Brasil, que devastou a capital americana com um ataque nuclear.A terceira guerra mundial ficou marcada pelo uso excessivo de todas as armas e tecnologias disponíveis, bem como, pelo envolvimento planetário na guerra. Não havia um ser humano que não estivesse intimamente ligado ou lutando, de alguma forma. Armas biológicas e bombas nucleares devastaram o planeta em questão de horas, talvez esta, seja a ultima referência e visão que a civilização daquele tempo poderia ter deixado nos  arquivos temporais. A primeira guerra foi completamente cibernética, onde hacker e crackers batalharam pelo domínio mundial da rede, e após ela o massacre biológico e nuclear varreu a superfície planetária. Alguns poucos indivíduos, em regiões preparadas para receber este tipo de ataque, sobreviveram, para continuarem uma guerra que esbanjava a tecnologia de veículos aprimorados tecnológicamente, soldados criados em laboratórios em fases experimentais e armas de combate melhoradas. Esta segunda etapa da guerra estendeu-se até o próprio planeta devastar a pouca vida que existia em sua superfície, já não mais habitável.

Porém...a continuidade da raça humana escapou em meio a estes eventos...

Assim que a guerra cibernética começou, os antigos líderes de um orgão mundial conhecido como O.N.U. usaram todos os seus recursos ainda existentes, para liberar um projeto que viveu em segredo até este ponto, o projeto foi conhecido como ARK. Tratava-se de uma gigantesca estação espacial, que foi construída no lado oculto da lua durante anos, como um meio de refúgio para 10% da população mundial em caso de um temido " apocalipse". A ARK foi tripulada através de lançamentos de espaçonaves menores em todos os países que colaboraram para a construção dela. Apenas uma pequena parte, seleta, foi enviada. Infelizmente a tribulação da guerra não concedeu tempo o suficiente para que todas as espaçonaves fossem lançadas, e estima-se que apenas 7% da população mundial conseguiu embarcar na ARK antes de seu lançamento.
A Terra foi, habitacionalmente, destruída e a vida sustentável no planeta foi considerada impossível, obrigando aos tripulantes da ARK, lamentarem e iniciarem o projeto de um novo mundo. A ARK foi planejada para sustentar a vida por algumas centenas de anos no espaço, o que deu tempo para que os seres humanos se reproduzissem e organizassem. Dentro da ARK, conforme foram selecionados, existiam aqueles que estavam predestinados a tomar a liderança, bem como alguns que se destacaram e revelaram-se salvadores em momentos de grande dificuldade. Um destes nomes é o de MAXIMILIAN FERGUS. O Homem que tornou possível as viagens para fora da ARK e iniciou as expedições de exploração do espaço ao redor da via láctea. Ajudado por seus parceiros, juntos eles fundaram o Alto Consulado da ARK, que, por sua vez conseguiu reorganizar, expandir, melhorar e manter todos os aspéctos de vida humana dentro da ARK. As expedições trouxeram tecnologia e evoluções, que foram usada de diversas e diferentes formas, para aprimorar e assegurar a vida e reprodução dentro da ARK. O maior impacto veio quando descobriram que não eram os únicos seres inteligente a viver no vasto universo, porém, sabiamente eta informação foi utilizada para solidificar cada vez mais a certeza de que a raça humana não seria destruída por sua história. O Alto Consulado jamais permitiu que nenhum ser humano abandonasse a ARK e buscasse brigo em outros planetas, mesmo por que a descoberta de vida inteligente fora apenas em três de nossa galáxia, jamais ousaram ir adiante disto. Maximilian acreditava em um projeto de restauração natural, e por esta razão, a ARK passou 700 anos orbitando ao redor do planeta terra. usando a tecnologia coletada e aprendida no espaço, para purificar e tornar a vida novamente sustentável.

As gerações se passaram e todo ser humano ou ARKANIANO, como adotaram se chamar pois não havia mais nenhum humano nascido na terra, respeitavam e seguiam as idéias de Maximilian Fergus e suas gerações sanguíneas que sucediam o poder no consulado. Finalmente no ano de  2800 d.c. o primeiro laudo escópico laser de sustentabilidade apontou como possível a vida na terra. A ARK se preparou então para a reentrada, a terra era novamente um lar. O mundo foi aos poucos reconstruído, os erros do passado serviram como base para a construção de uma nova sociedade, porém, jamais livre de seus próprios pecados e equívocos. As nações foram reerguidas e as expansões tornaram-se centenas de vezes mais prosperas e possíveis, pois a terra proporcionava dimensões territoriais dezenas de vezes maior que a ARK, bem como recursos naturais em abundância, alguns antigos e outros completamente novos. O Alto Conselho da ARK se desmontou, devido a migração e reorganização do territótio. No lugar dele, surgiram as megas corporações. Instituições dotadas de poder econômico e influência moral e sanguínea o suficiente para liderar um determinado segmento de sustentação da vida e sociedade humana ( Segurança, Alimentação, Tecnologia & Educação). As megas corporações estabilizaram a vida no planeta, embora isso não tenha criado um sistema de vida igualitário para todos. a ARK tornou-se o maior monumento de todo o planeta, localizado na Capital Mundial Avalon, e sede oficial da CMSC ( Corporação Mundial de Segurança e Contenção ).

A sociedade vive hoje em um tempo de segredos e mistérios, tecnologias que não conhecem limites, e rumores de invasões extraterrestres hostis. Os seres humanos são separados por classes " V "( V-TRAXYS ,V-HERGONS V-NOXUS, V-ALPHAS, V-PRIMES ) divisões criadas para controlar o acesso a cada tipo de recurso por cada indivíduo,  embora problemas antes conhecido como desemprego e fome não existem mais. O planeta é diversificado e existem muito mais que seres humanos habitando a superfície terrestre. Os imigrantes extraterrestres são comuns e submetidos a um controle de ingresso e vivência no planeta muito rigoroso. O comercio expandiu em escalas gigantescas e a terra tem negócios mercantes com os planetas da via láctea , embora isso seja completamente controlado apenas pelo governo de cada mega corporação. A tecnologia espantosamente supriu e superou toda e qualquer imaginação antes prospectada, e muitos afirmam que as grandes corporações tem ligações muito além dos limites de nossa galáxia, principalmente após a instalação das plataformas ao redor da terra colocadas, conhecidas como RIFTS, o que não foi explicado diretamente para a população, apenas dito como mais um sistema de segurança contra possíveis invasões ao planeta.

Existe algo que preservamos desde a terceira guerra mundial...nosso calendário....e hoje é 12 de janeiro de 3050...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mundosfantasticosrpg.forumeiros.com
 
O ANO DE 3050 D.C.
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Mundos Fantásticos RPG :: CAMPANHA ATUAL :: HISTÓRIA GERAL-
Ir para: